sábado, 14 de novembro de 2015

TERROR DO ESTADO ISLÂMICO!


Chorar, lamentar e rezar sobre o sangue derramado de pessoas inocentes, no atentado cometido pelos terroristas do Estado Islâmico, na França, é o máximo que se pode fazer agora. Nada além disso. Nem mesmo saber quantos morreram, porque morreram, como agiram porque tudo isso só será importante para as investigações do atentado terrorista.

O certo é que os terroristas decapitadores de cabeça no deserto estão conseguindo desmoralizar as potências bélicas mundiais porque cobram com sangue de inocentes, o preço pela morte de terroristas sanguinários.

O terrorista morto era o que sempre que cortava a cabeça de alguém, proferia discursos e desafiava o poderio dos Estados Unidos.

Em represália à morte pelos americanos que usaram um drone para disparar torpedos e destruir seu automóvel de um dos mais cruéis decapitadores de cabeça no deserto, sempre usando capuz para não ser identificado, foi cobrada  em dobro com o cruel atentado que matou mais de 100 pessoas que se divertiam na casa de show “Bataclan”, foram metralhados sem dó nem piedade pelo poder do terrorismo. 

O mundo se está voltando a um estado de barbárie sem precedentes. Os terroristas do autoproclamado Estado Islâmico, mais perigoso do que os  da Al-Quaeda, a quem são atribuídos diversos atentados a alvos civis e militares na África, no Oriente Médio, na América do Norte, deseja implantar um Califado na Síria. Os terroristas da Al-Queda (A Celula), tiveram como fundador e financiador e representante, Osama Bim Ladem, assassinado pelos americanos, depois de desafiá-lo diversas vezes.  A Al-Quaeda, se notabilizou quando derrubou as torres gêmeas em Nova York, no dia 11 de setembro de 2001.

Depois do assassinato de Osama Bin Ladem, Ayman al Zawarin ainda liderou atentados na França contra a redação do jornal francês Charlie Habdoo, matando todos seus principais chargistas. Agora, surge e de novo se volta contra os Estados Unidos, o Estado Islâmico que decidiu vingar a morte de uma das pessoas que nem era um de seus líderes mais importantes. Imaginem se fosse, como não teria sido?

Até onde isso vai? Não sei! 

A única coisa que sei é que o Estado Islâmico está desmoralizando todas as potências bélicas mundiais, inclusive o poderio dos Estados Unidos, embora não seja uma guerra declarada, mas uma guerrilha, apenas e, guerrilha, o poderio militar americano não tem qualquer experiência, porque já foi derrotado no Vietinã!

14 comentários:

  1. Ramiro Farias Moreira14 de novembro de 2015 11:54

    Sem duvida e agem corpo a corpo, prontos para morrer em acao, kamikazes da era da informacao , certo jornalista Carlos Costa !?

    ResponderExcluir
  2. Luiz Castro/deputado estadual no AM14 de novembro de 2015 12:11

    o Carlos, o Estado Islâmico ultrapassou os parâmetros de violência e proselitismo sectário da própria Al-Quaeda, que o apoiou na sua fase inicial, mas dele se encontra distante e beligerante
    São nazistas teocráticos

    ResponderExcluir
  3. O que está acontecendo no mundo e no Brasil é muito triste

    ResponderExcluir
  4. MARIA HIRSCHI/SUÍÇA14 de novembro de 2015 15:11

    Uma coisa te falo,Carlos.Eles não conseguiram,efetuar o atentado como planejado.Aqui ainda rege a democracia.No Stadions"Stade de France"era o que os terroristas queriam mostrar live para o mundo todo.E isso não aconteceu.A seleção alema,dormiu no estadio.O pior de tudo foi em "Bataclan"lá foi um massacre e ate agora não entender por que?Em um teatro de música,c varias nacionalidades,e diferentes religiões ou sem religiões foram,massacrados com tantanta,brutalidade.Talvez o que nos plantamos,colhemos!

    ResponderExcluir
  5. Carlos! Aqui se planta,aqui se colhe.Parece Mais dessa vez é totalmente difernte dos outos atentados.A meta dos homens bomba era o stado do futebol,mostrar para todo o mundo os herois do Terror,mais nao conseguiram,a França tem força maior mesmo tendo um Presidente,Socialista .Dessa vez é difente,foram varios locais aos mesmo tempo que eles atacaram.Minha conclusao é paises velhos,parem"Stop"armas .Pque contra voce esta voce.

    ResponderExcluir
  6. O Brasil,Joao pode melhorar 1000 mais do que os paises,da Europa.Nos temos tudo,Petroleo,feijao e arroz..E nao precisamos de mais nada se o povo é unido.

    ResponderExcluir
  7. Os Estados Unidos tem poderio militar suficiente para exterminar um exército, uma nação ou qualquer potência militar do globo terrestre. O que as potências bélicas não podem e vão demorar muito pra resolver esse dilema, é lutar contra um inimigo invisível, que pode está até dentro de suas próprias fileiras. Assim age o terrorismo. Coopta seguidores em prol de uma causa que acreditam e morrem por ela. ...!!!

    ResponderExcluir
  8. Rafael de Queiroz Neto14 de novembro de 2015 16:51

    A desmoralização, neste caso, decorre do medo da morte que é infundado no coração das pessoas que temem perder tudo o que conquistaram em suas vidas e que não sabem o que as espera além desse mundo, algo que os membros do ISIS não consideram, em razão da doutrina radical que difundem como salvo conduto para o paraiso.

    ResponderExcluir
  9. Ótimo comentário sobre essa barbarie...
    E o nosso governo esta abrindo a porta pra eles. Devemos abrir os olhos pra isso.

    Bom descanso.

    ResponderExcluir
  10. Ótima explicação!

    ResponderExcluir
  11. Meu amigo discordo de você. Não há nenhuma desmoralização bélica, por que não há um enfrentamento convencional. A guerrilha e o terrorismo, covardes por princípios, atingem inocentes e fogem do confronto. Quem sai desmoralizado desses vis atos na França, são os humanistas baratos, que tem peninha de tudo e de todos. Sexta feira eles viram que que os fundamentalistas não esquentam com piedade é bom senso, e que só entendem uma língua: a morte na mesma moeda.
    Quem sabe a França começa a pensar que dar guarida pra desgraçado é trazer o ladrão pra dentro de casa. Ou o governo francês age com rigor nas represálias, ou, aí sim, estará desmoralizado como Estado soberano.

    ResponderExcluir
  12. Miguel Martins de Menezes/Portugal15 de novembro de 2015 15:27

    Desculpe Carlos Costa, a coisa é mais grave, apenas vou deixar aqui um pouco do que penso sobre o assunto.

    https://www.facebook.com/photo.php?fbid=906392516108783&set=a.110860208995355.19359.100002141300599&type=3&theater

    ResponderExcluir
  13. João Batista Filho/BH16 de novembro de 2015 08:42

    Este ´ á o estado lastimável da consciência humana, ou meklhor a falta dela. Guerras travadas em nome da religiosidade, uma insanidade total... Até quando nossa espécie vai se deixar levar por estas mentes insanas... ??

    ResponderExcluir
  14. Os Estados Unidos tem poderio militar suficiente para exterminar um exército, uma nação ou qualquer potência militar do globo terrestre. O que as potências bélicas não podem e vão demorar muito pra resolver esse dilema, é lutar contra um inimigo invisível, que pode está até dentro de suas próprias fileiras. Assim age o terrorismo. Coopta seguidores em prol de uma causa que acreditam e morrem por ela. ...!!!

    ResponderExcluir