domingo, 11 de dezembro de 2011

AMIZADES VERDADEIRAS!

As verdadeiras amizades são como o vento: passam e deixam saudades, depois de terem nos lambido nosso rosto e oferecido um pouco de sua brisa fresca e fincado sua marca indolor em nosso peito! Chegam de onde menos esperamos, ocupam espaço na nossa mente e em nossos sentimentos!

As amizades verdadeiras e sinceras aparecem no momento em que mais se precisa delas e vêm sem aviso, sem serem anunciadas,  alojando-se para sempre em nossos corações,  ficando impossível e dolorido demais extirpá-las de nossas vidas.

As verdadeiras amizades não precisam de autorização para nos criticar quando erramos;  e as portas lhes estarão sempre abertas, escancaradas, para chegarem ou partirem.

As verdadeiras amizades não são colocadas em redomas de vidro para a admirarmos sozinha: elas têm que ser compartilhadas com outras pessoas também, desde que a queiram   receber e tenham por ela caráter para tal!

As verdadeiras amizades não precisam de nada para nos fazer felizes. Basta aparecerem e já nos tornam felizes, e nossos corações disparam e nem sabemos justificar o porquê. 

As amizades verdadeiras, enfim, são como o vento: nos acariciam o rosto e nós não as vemos porque, na maioria das vezes, elas são invisíveis aos nossos olhos e só a sentimos no coração e, quando a perdemos, por egoismo, ignorância, estupidez e ciúmes, nos faz falta! 

As amizades não precisam pedir desculpas quando nos magoam porque as que são verdadeiras sempre reconhecem seus “equívocos” e se desculpam naturalmente.

Ao longo de minha vida, aprendi que a amizade sempre surge de lugares inesperadas, de pessoas que aprendemos a amá-las sem pedirmos permissão para fazê-lo. E, depois, sofremos quando elas se vão embora e não nos oferecem despedidas. As verdadeiras amizades não precisam de nada, nunca pedem nada e nos oferecem sempre mais do que a merecemos.

Amizades verdadeiras não só amizades: tornam-se confidentes em nossas dores, doenças, saúde, enfim, passam a ser um complemento de nosso próprio existir. Se você possuir uma amizade assim, conserve-a no lado esquerdo de seu peito porque é lá que deve ficar guardada e guarde a chave em local desconhecido até para você mesmo!

25 comentários:

  1. Bonita crônica, amigo Carlos!
    Faz-me lembrar da célebre frase:
    "Quem encontrou um amigo, encontrou um tesouro!"
    Existem amizades de todo tipo, é fato, e cada uma delas deixa sua marca em nossas vidas.
    Meu forte abraço,
    Yolanda

    ResponderExcluir
  2. Lindíssima,esta crónica!Quanto não vale uma amizade!...Quantas vezes nossos AMIGOS é que são os nossos irmãos!...Esses,pelo menos,são escolhidos por nós.

    ResponderExcluir
  3. Linda demais essa crônica!Amizade rara essa, mas quem a encontra, tem um tesouro precioso! adorei!

    ResponderExcluir
  4. Então caro amigo Carlos...cá estou novamente e começo meu comentário com suas palavras: "Ao longo de minha vida, aprendi que a amizade sempre surge de lugares inesperadas, de pessoas que aprendemos a amá-las sem pedirmos permissão para fazê-lo. E, depois, sofremos quando elas se vão embora e não nos oferecem despedidas. As verdadeiras amizades não precisam de nada, nunca pedem nada e nos oferecem sempre mais do que a merecemos." Justificando minha ausência em seu espaço: andei um pouco afastada e desiludida de certas coisas e optei por me manter um pouco longe de quem se gosta muito também.Entretanto, não pense vc que o esqueci, apenas não comentei mais suas crônicas pq precisava de palavras inspiradoras para faz~e-lo. Eis que agora meio "enciumada" com suas palavras no facebook (rsrsrs) volto a comentar por me sentir em dívida com o amigo. Mas saiba que sempre leio que vc escreve. Lembro-me muito bem qdo pedi que escrevesse está cônica e fiquei muito feliz, pois me vi e continuo me vendo nas suas palavras. Consigo viajar através delas. Parabéns meu amigo Carlos.

    ResponderExcluir
  5. esqueci de revisar e cometi um ou outro erro...e tb de assinar meu verdadeiro nome : Sonia Biasus (sua amiga)

    ResponderExcluir
  6. Miguel Martins de Menezes21 de janeiro de 2015 03:43

    Verdade Carlos Costa!

    ResponderExcluir
  7. Solange Bender Locatell/Estados Unidos21 de janeiro de 2015 03:51

    Maravilhoso! Feito pela alma

    ResponderExcluir
  8. João Batista Filho/BH21 de janeiro de 2015 03:54

    20 de janeiro de 2015 16:49
    Carlos, mais uma vez voce nos brinda com esta sua belissima crônica e nos leva à reflexão sobre nossas amizades,... Muito obrigado...

    ResponderExcluir
  9. Miguel Martins de Menezes/Escritor21 de janeiro de 2015 03:56

    17 de janeiro de 2014 17:19
    Carlos Costa, você tocou num ponto que me e sensível. Será que essa globalização nos trouxe benefícios ou prejuízos? Desde já vejo uma vantagem, a única até agora; a da troca de informação, mas me preocupa o facto desta globalização estar a ser utilizada com maus fins... Outra questão que se me depara é perguntar como a tecnologia nos tem feito evoluir? acho que evoluir não é sinónimo de posse de melhor tecnologia, mas sim melhor estado de consciência, este (estado de consciência), pode libertar ou aprisionar... Muitas civilizações na história da humanidade foram destruídas pelo mau uso da tecnologia. Globalização não é aceitar tudo, vivemos numa sociedade profundamente doente, como Krishnamurti dizia, não e sinónimo de boa saúde estar ajustado a uma sociedade doente, se a minha postura " radical" (como afirmou), incomoda esta sociedade esclerosada e doente, pois que me chamem radical! Não a mudarei enquanto não vir ética nas pessoas, enquanto perceber a inversão de valores que alimenta a ignorância, enquanto entender que o meu romantismo pelos valores que meus pais me transmitiram estão a ser vilipendiados.

    ResponderExcluir
  10. Shannon Theron /Estados Unidos21 de janeiro de 2015 04:05

    A Journey Into Art Goodmorning Carlos. I do apologise but I understand and speak English. Apologies again. I went to your blog...excellent indeed.

    ResponderExcluir
  11. Geraldo Rodrigues da Costa31 de agosto de 2015 13:47

    Obrigado amigo.Você na sua bela colocação comparando a amizade com a brisa, me conduziu de volta ao passado. Talvez o amigo não tenha passado pela experiência como eu. Quando ao lavrar a terra carpindo roça de milho, ao meio dia com o sol a pino molhado de suor, o vento batia como se Deus nos abanasse com um leque divino. A gente abria a camisa e o deixava lamber as costelas,, era um frescor tão gratificante como esta tua mensagem de agradecimento selando nossa amizade.Parabéns amigo e sucesso na sua jornada!

    ResponderExcluir
  12. Muitíssimo lindo essa crônica....atual, sincera, verdadeira, toca a alma de quem sabe o significado de uma bela amizade. PARABÉNS

    ResponderExcluir
  13. Ter amigos é saber que nunca estaremos sós, que haverá sempre um ombro onde chorar ou uma mão para nos ajudar. Ter amigos é possuir um tesouro, uma riqueza mais valiosa que ouro, e que devemos cuidar com carinho.

    Hoje é dia de homenagem aos amigos, mas eu todos os dias cuido e agradeço pelos meus. Pois são eles que dão cor e alegria à minha vida.

    Feliz Dia do Amigo! Eles são a nossa família, não de sangue, mas de coração, e quando a amizade é verdadeira é eterna. Se ainda não fez, hoje aproveite para dizer aos seus amigos que os ama, e que os quer na sua vida para sempre.

    ResponderExcluir
  14. Índio do Brasil D'Urso Jacob20 de julho de 2016 11:35

    Me perguntaram: quanto vale um amigo? Respondi: não sei, os que eu tenho, ganhei… Não estão à venda e não tem preço.

    ResponderExcluir
  15. CARLOS COSTA,JORNALISTA DE PONTA! PARABÉNS PELA BELÍSSIMA CRÔNICA SOBRE "AS VERDADEIRAS AMIZADES"!

    ResponderExcluir
  16. Olá Amigo...

    Hoje eu quero lhe dizer que amizade é o sentimento humano que mais se aproxima de Deus. Porque ela se faz sem vínculos sanguíneos, simplesmente existe de uma forma natural. Não há neste mundo quem se sinta só se tiver um amigo de verdade! 

    Procurar razões para a amizade é desnecessário, afinal, amizade, simpatia, gratidão e afinidade, nascem de uma pequena fonte e vão crescendo, crescendo, até atingirem o infinito. Assim é a amizade que sinto por você, imensa como o infinito! E isso me deixa muito feliz!

    Você é isto para mim: especial, pessoa que nunca falta em momento algum, amigo sempre presente, que tem sempre um sorriso para me dar, aquela força para dividir nos piores momentos, que varre para longe qualquer tristeza. Obrigado a todos vcs por se comportarem como amigos mesmo sem.um conhecer o um ao outro

    ResponderExcluir
  17. Cronica linda e profundamente verdadeira!

    ResponderExcluir
  18. Maria Antônia Liege22 de julho de 2016 07:28

    Obrigada ,por sua amizade. Boa noite !!!!

    ResponderExcluir
  19. Maria da Glória de Borba22 de julho de 2016 07:31

    Obrigada ! É muito bom ter sua amizade. Boa noite!

    ResponderExcluir
  20. Maria .Mundin Rosse22 de julho de 2016 07:34

    Obrigada! Um Abraco.

    ResponderExcluir
  21. vc e um grande amigo carlos deus de a tua saúde com muitos anos de vida pessoas como vc que omundo precisa pra levantar o astral das pessoas que estão se sentido um pouco na solidão do dia a dia

    ResponderExcluir
  22. Sempre é bom ter e fazer novos amigos, pois boas amizades são um dos nossos maiores tesouros.Espero que nossa amizade venha sempre a ser fortalecida a cada dia. Sobre sua viagem, se tiver alguma duvida pode me contactar , ok? Estari em Bh até dia 31/08.
    Grande abraço para voce e sua familia.

    ResponderExcluir
  23. Francisca da Silva26 de julho de 2016 15:06

    Carlos amei essa cronica, você realmente estava muito inspirado quando a fez.
    Abraços.

    ResponderExcluir