sexta-feira, 11 de setembro de 2015

A INTERNET UNIU O MUNDO E EMUDEU AS PESSOAS!


A popularização da internet uniu o mundo pelas redes sociais, mas separou as pessoas do convívio humano diário e do diálogo que antes existia!

Mesmo com toda a precariedade, preço exorbitante e péssimos serviços ofertados aos clientes, o fenômeno da internet se popularizou e o mundo passou a viver conectado e permitindo o surgimento de as redes sociais. Hoje, o mundo é um só individualizado, um só coletivo e um só em total silêncio. Tudo agora é através de shype, whats, fecebook outras redes. As pessoas, se afastaram, desumanizaram, individualizaram idiotizaram e emburreceram, criando palavras novas, reduzindo cada vez mais as outras, perdendo totalmente a eloquência do bom discurso!

O costume de falar olho no olho, sentindo a emoção das palavras ditas, desapareceu. Hoje, o mais comum em lugares públicos é ver adolescentes, de meia idade e até idosos caminhando com fones enfiados nos ouvidos. Dentro de restaurantes, pessoas tirando selfs ou fotos de amigos e postam nas redes sociais. Mesmo não conhecendo ninguém, a popularização da postagem se dá pelo número de curtidas e não pelo conteúdo contido. Ninguém tem mais tempo para conversar, a não ser via internet. Até o hábito salutar de gravar ou escrever números de telefones em cadernetas, foi transferido para os aparelhos de celular que, agora, só faltam falar, aliás, já falam, desde que a pessoa tenha crédito ou disposição fazer chamada por ele, o que está ficando cada vez mais raro! Tudo agora é mensagem de texto! O mundo ficou conectado e as pessoas emudeceram!

Enfim, não existe mais diálogo familiar e, quando ocorre, em muitos casos, também é via internet, por alguma rede social! O mundo está se tornando conectado e vazio ao mesmo tempo. É um mundo de mentiras, de páginas criadas só para conversas fúteis e inúteis. Não existe mais leitura de livros, a não ser os virtuais. É o mundo novo e hipócrita! As pessoas postam qualquer coisa e outras curtem e riem de algumas bobagens e mentiras também. Não sei se riem das bobagens ou porque a pessoa que curte a bobagem seja mais boba ainda, sem falar na nova linguagem criada pelos jovens que estão cortando palavras, cifrando letras e perdendo o hábito de escrever bem e de forma limpa. Confesso que algumas vezes cometi esse deslize também. Pelo hábito de tanto ler palavras cifradas, passei a usá-las também. Me penitencio!

Reconheço que se não fosse o fenômeno da internet e redes sociais, não teria o blog carloscostajornalismo lido em vários países e não seria tão conhecido e curtido e comentado em minhas postagens de livros e crônicas, também. Como dizem os jovens, prefiro qualidade de conteúdo e não quantidade de comentários. Ah, quer saber, não quero ficar para trás. Vou me conectar também! Mas quero leitores com conteúdo, ideias e opiniões próprias, não meros ventrículos repetidores de opiniões dos outros. Dos muitos leitores que tenho, poucos com os poucos dialogo e, dentre alguns mais recentes, destaco Janete Félix, uma pedagoga e filósofa discreta, que não gosta de se expor, não emite opiniões, aceita a todas porque, como eu, entende que o mundo virtual, é uma grande ilusão, um mundo que separou as pessoas humanas e desumanizou as pessoas!

Ah, como sinto saudades das brincadeiras de manja, barra-bandeira, 31 alerta, estátua, bolinha de gude, bete e fica, a bola na rua, as brincadeiras no final da tarde, enfim, sinto falta de um passado que, sei, nunca mais voltará porque o mundo caminha para frente, não dá voltas, não para, nem faz curvas. Ah, como eu sinto falta do passado! Tudo era mais humano, menos tecnológico, com jogos de vídeo gueime em que se tinha que ver apenas uma bolinha na tela pulando para um lado e para o outro, batendo e voltando. Era mais divertido e inocente naquela época do que os atuais jogos de violência de hoje, em 3-D!

No passado, era tudo mais simples e gostoso! A tecnologia mudou e estragou o mundo, mudou os hábitos e perdeu seu sentido,  tirando o caráter humano das pessoas!

Sinto saudades do passado, mas não desprezo o presente! E sigo conectado, errando e aprendendo com meus erros e me corrigindo para não errar mais e nem ficar para trás!


32 comentários:

  1. Verdade, Carlos , "o mundo ficou conectado e as pessoas emudeceram ! " Me permita compartilhá-la!

    ResponderExcluir
  2. Carlos Costa, parabéns! Obrigada por descrever meu pensamento e me fazer admitir que sigo no passo da "Maria vai com as outras"!
    Confesso, me emocionei e fiquei um tantinho melancólica, pq sei que estamos seguindo por um caminho sem volta!

    ResponderExcluir
  3. Sinto saudades das conversas com amigos , e até em casa mesmo os filhos não conversam mais . Todos conectados ....Então o único jeito pra não encomodar -los , é ficar mudo.. .

    ResponderExcluir
  4. Infelizmente isto é verdade

    ResponderExcluir
  5. Concordo com cada palavra desse texto, muito bom Sr.Carlos! Posso republicar ?

    ResponderExcluir
  6. Dante Luís Garcia Rivera11 de setembro de 2015 16:32

    Pura verdade.

    ResponderExcluir
  7. Ida Márcia Benayon11 de setembro de 2015 18:53

    Verdade Carlos! Essa realidade é uma fatalidade e um desastre, por isso, nossos jovens estão com a vida tão sem assunto! Acham que o convívio e o falar com seus familiares não tem a importância da rede social , face , internet! Ficou mais fácil se esconder através desses instrumentos!! Sou da era olho no olho! Cara a cara!!!

    ResponderExcluir
  8. Concordo integralmente poeta e aplaudo-te pelo reflexivo pensamento. Parabéns e tenha uma boa noite.

    ResponderExcluir
  9. Amigo virtual Carlos Costa; concordamos com suas palavras e observações. Hoje, nestes dias de "modernidade", é muito raro as pessoas fazerem uma vista ao "vivo", dano a entender que o excesso de informações acabou "isolando" as pessoas. Fique em paz Saul

    ResponderExcluir
  10. Eu tbm sinto falta, dessas brincadeira, que era na minha infância,

    ResponderExcluir
  11. Araí Santos/Escritora12 de setembro de 2015 10:01

    E verdade amigo Carlos,infelizmente e verdade! Nao sei onde a humanidade vai parar! Eu definiria como "O Seculo do Silencio".

    ResponderExcluir
  12. Eu estou muito chateada também, pois fico uma arara, qusndo estou falando com gente e só te olha e olha,minutos, e minutos pra porcaria do paze!!!

    ResponderExcluir
  13. Verdade verdadeira!!

    ResponderExcluir
  14. Completamente... Vdd....

    ResponderExcluir
  15. Concordo em número, gênero e grau. Muito bem colocada sua observação. Parabéns!!

    ResponderExcluir
  16. quen sabe sabe escrever e uma dadiva

    ResponderExcluir
  17. Para mim,foi genial,poder falar todos os dias para o meu irmao.Bom Dia!e estar perto da minha familha com poucos francos.Se alguem nao tem assunto e fica calado por causa do mundo virtual.Acho que a culpa nao esta na internet.Essa internet so é vida,para mim.Eu,tinha mais de 100,recibos de cartas registradas que escrevia daqui para minha mae.Ate hoje minha mae nao recebeu essas cartas.Porque nao existia esse mundo virtual.Por isso acho que a culpa.Nao é da internet e sim tua culpa.

    ResponderExcluir
  18. Com os nossos aplausos aos seus criteriosos comentários sobre o atual mundo digitalmente informatizado , agradecemos a remessa da Lei N.6550, de 04 de setembro de 2015 que instituiu o calendário oficial de Natal e o Dia Municipal do livro Infanto - Juvenil .Estamos no Rio de Janeiro há mais de 50 anos, onde estudamos, constituimos Família, mas continuamos agindo e pensando como um homem do Nordeste, onde estão as nossas raizes familiares e sentimentais .Boa Noite ! Campelo/RN/RJ !

    ResponderExcluir
  19. Amigo virtual Carlos. Li com atenção suas colocações, com as quais concordo plenamente. Vivemos na era das comunicações, só que há um detalhe, são "mudas", pois carecem de sentimento. Nada pode substituir, o comprimento amigo, e a visita ao "vivo", caso raro entre as famílias... Fazer o quê? nesta "modernidade" "avassaladora"; temos um celular que nos doado por um neto, mas ainda preferimos usar o e-mail, entretanto, observo, que os acessos em nosso Blog, cairam "assustadoramente", dando a impressão que se estão optando por outros meios de comunicação, "instantânea", resumida com palavras "abreviadas"... Abraços. Saul

    ResponderExcluir
  20. Ótimo artigo amigo Carlos Costa. Parabéns.

    ResponderExcluir
  21. Fabiolo Mendonça25 de junho de 2016 15:42

    Carlos essas são as infelicidades que se tem com o advento da internet um dia desse lendo o zap da família da patroa dois irmãos um do lado do outro se falando pela net olhei a atualização e olhei proa dois e comecei a rir foi demais aí depois expliquei o motivo
    Aumentou a impessoalidade

    ResponderExcluir
  22. Ollymda Aparecida Bessan Franco25 de junho de 2016 17:44

    Verdade, tudo o que disseste. Mas é tão prático resolver pelo whatsApp. Num instante marcamos reunião, viagens, encontros

    ResponderExcluir
  23. Temos que saber aproveitar o lado bom das coisas e dos avanço da tecnologia. Infelizmente, esta falta de oportunidades para um contato diario, principalmente nos grandes centros urbanos, tem levado as pessoas a um certo distanciamento das suas amizades, mas neste ponto temos a internet que nos ajuda a superar esta dificuldade. Este é um dos lados bons desta tecnologia..

    ResponderExcluir
  24. Há um tempo atrás eu fazia parte do clube da carta, era um grupo de poucas pessoas, o cabeça era um jornalista muito conhecido,já falecido, da região de Itabuna/BA. Era muito boa a sensação de aguardar uma carta chegar, de escrever em próprio punho, apesar de toda a tecnologia a nossa volta. A tecnologia qd usada com equilíbrio ajuda muito. Mas, ir muito além é vício, e como todo vício, prejudica.

    ResponderExcluir
  25. Félix da Fonseca II10 de novembro de 2016 15:19

    Excelente.

    ResponderExcluir
  26. Graça Guerreiro/Natal23 de novembro de 2016 17:31

    CARLOS COSTA! TUDO QUE VOCÊ ESCREVEU AQUI, e tudo isso mesmo, e ficamos nos avós e as mães etc. Ficamos muito triste eu sofro e tento conversar muito com a minha netinho de 4 a ninhos, muitas coisas que já entende e algumas coisas mas simples, e mostrando de pouquinho e pouquinho as coisas certas cá ela. O mundo virtual tomou conta do mundo não adianta. Eu amo a enternete, ela me fascina e me sinto muito feliz com tufo UE pesquiso e Leiu, tenha certas matéria que me fascina tipi: viajar nos países. Eu sinto saudades das minha amiguinha que brincavam comigo na chuva, nos quintais dos vizinhos e brinquei com tudo wue você brincou também! ! Mas vamos curti o nosso presente com muita alegria e curti as nossas redes sociais ok. Bom Carlos Costa boa noite homem de uma sensibilidade maravilhosa.���������� Boa noite.

    ResponderExcluir
  27. Graça Guerreiro/Natal23 de novembro de 2016 17:32

    CARLOS COSTA! TUDO QUE VOCÊ ESCREVEU AQUI, e tudo isso mesmo, e ficamos nos avós e as mães etc. Ficamos muito triste eu sofro e tento conversar muito com a minha netinho de 4 a ninhos, muitas coisas que já entende e algumas coisas mas simples, e mostrando de pouquinho e pouquinho as coisas certas cá ela. O mundo virtual tomou conta do mundo não adianta. Eu amo a enternete, ela me fascina e me sinto muito feliz com tufo UE pesquiso e Leiu, tenha certas matéria que me fascina tipi: viajar nos países. Eu sinto saudades das minha amiguinha que brincavam comigo na chuva, nos quintais dos vizinhos e brinquei com tudo wue você brincou também! ! Mas vamos curti o nosso presente com muita alegria e curti as nossas redes sociais ok. Bom Carlos Costa boa noite homem de uma sensibilidade maravilhosa Boa noite.

    ResponderExcluir
  28. Obrigado meu adorável amigo Carlos Costa.
    Amei beijos essa verdade que poucos observam!

    ResponderExcluir
  29. Maria Eunice Moura Cesar24 de novembro de 2016 18:17

    Com certeza.Estou me segurando para me afastar desta coisa horrorosa.

    ResponderExcluir
  30. Com toda certeza a internet é uma das maiores invenções do mundo, assim como as outras é preciso saber usa-la.

    ResponderExcluir
  31. Trabalho porco, só gasto de dinheiro público serviço de má qualidade.

    ResponderExcluir