terça-feira, 24 de janeiro de 2017

O BIG BOSTA BRASIL, DE NOVO! ("só pensam naquilo...")



Não nego. Cheguei a assistir ao primeiro programa BBB, exibido pela Rede Globo de Televisão  Há 16 anos. Era novidade. Deixei de assisti-lo depois que percebi  que, hoje, todos que entram na casa “mais imoral do Brasil” só pensam no que farão por baixo dos edredons das participantes e não principal objetivo que é vencer a disputa, ganhando no final o valor 1,5 milhões de reais. Para quê? Dinheiro é bom para viver, mas não é a mola mestra do mundo. Tudo o que é demais, também cansa e o BBB já cansou, embora tenha mudado o formato, a casa, as pessoas..,até o apresentador mudou!

O único dos participantes do BBB que seguiram carreira depois foi  Grazzy Massafera. Ela investiu na carreira e se tornou uma atriz da e na rede Globo. O Cleber Ban-Ban, vencedor de um dos BBBs da vida, depois de se apaixonar e chorar copiosamente por uma vassoura, chegou a fazer rápidas aparições no Programa “Os Trapalhões” da Rede Globo e desapareceu como surgiu, quase que do nada, usando a momentânea fama de vencedor da casa mais imoral do Brasil. Outros participantes, nem se houve mais falar. Como tem gosto para tudo, respeito os que gostam, ligam, eliminam ou mantem alguém na casa e aplaudo os que não gostam!

O apresentador da TV Globo, Abelardo Barbosa, “O Chacrinha”, já tinha previsto que em televisão, “nada se cria, tudo se copia”. Estava certíssimo. Bons programas devem ser copiados mesmo, mas raros são os programas genuinamente brasileiros, além das novelas, que sempre deram certos no exterior. Também é a única coisa que ainda presta, embora os enredos das novelas da Rede Globo girem sempre em torno de um mesmo batido tema: famílias que se odeiam e depois seus filhos se casam, repetindo a fórmula de Romeu e Julieta, Tristão e Isolda ou o Mito da Caverna de Platão. Exemplos de programas copiados não faltam na TV.

Contudo, não sei por que razão a TV Globo ainda insiste em apresentar um programa de tão baixo nível e qualidade em TV aberta.  O Big Bosta Brasil, com tanta baixaria, confusões e audiência, ainda  atazanará a vida do brasileiro que não tem opção de pagar uma cara TV por assinatura   para ter outra opção de escolhe.  A solução é simples: ou muda de canal e dá audiência a outra emissora, ou assiste o programa também copiado e de péssima qualidade.

Ah, bons tempos do Sitio do Pica-Pau Amarelo, de Monteiro Lobato, Balão Mágico e dos festivais da canção do Maracanãzinho que revelaram tantos bons cantores como o falecido Jesse, com seu “Porto Solidão” e tantos outros que seguiram carreira de sucesso...Saudosista, eu? Sim, mas pela qualidade e não por porcaria que dá audiência, dinheiro, mas nada transmite, além de baixarias por debaixo dos edredons.


Parece até a personagem de “Dona Bela”, de Chico Anísio: “eles só pensam, naquilo...”  É muita baixaria dentro de uma porcaria só!

22 comentários:

  1. Um programa para seres desinformado de baixa estima que se prende na vida alheia para buscar algo ou alguém mais patético que eles mesmos, não é nem dar à cara aos belos tapas é agredir aquilo que temos de melhor nossa liberdade estamos presos em um Brasil sem causas e efeitos....Somos frutos daquilo que muitos estão decidindo ser ....ibop inoperância fragrância de alucinações amorais fatos atípicos aos seres crentes de algo , da vida quem sabe aos descrentes da verdadeira verdade ,....Mas será que ainda existe uma verdade brasileira, economicamente viramos motivo de chacota ao atual presidente dos EUA. Vamos ao menos assistir....Ou é agora quem poderá nos defender....Aí, ao invés da dengue e sua trupe surge o chapolim. Podia ser o Chaplin.

    ResponderExcluir
  2. Emerson Vasconcelos24 de janeiro de 2017 11:38

    Gostei Carlos Costa.
    Compartilhando

    ResponderExcluir
  3. É meu amigo Carlos, ea baixaria, mais uma vez, vai rolar solta com a permissão da direção da emissora; e se a Globo ainda continua com o dito cujo "programa" que deve lhe render um volume significativo de dinheiro eu acho, também, que os programas feitos dentro da casa deviam ser remunerados.

    ResponderExcluir
  4. A minha idade, não permite que eu perca o meu precioso tempo, debruçado nesse tipo de lixeira, que a Rede Globo, mais uma vez, empurra de goela abaixo, do já idiotizado, povo brasileiro.

    ResponderExcluir
  5. Elenira Lopes da Silva24 de janeiro de 2017 13:46

    Tantos canais de TV povo fica criando polêmica com bobagens
    Melhor ver pessoas transado embaixo de ededron do que ver as rebeliões nos presídios.... Pessoas sendo assaltadas e mortas nas ruas...mulheres sendo espancadas pelos companheiros e gente morrendo de fome..filas enormes nos hospitais públicos e a hipocrisia da polpulaçao

    ResponderExcluir
  6. Realmente, ainda chamam os participantes de heróis, herói são os trabalhadores que labutam o dia a dia para adquirir seu pão de cada dia. Eles não passam de ratos de laboratórios.

    ResponderExcluir
  7. Ainda bem que nos nossos aparelhos de tv e nossos controles remotos temos uma tecla que nos permite mudar de canal....

    ResponderExcluir
  8. Concordo, eu a não assisto a globo

    ResponderExcluir
  9. Não tinha nem ideia que já chegou a edição de número 17. Assisti um pouco do primeiro e nunca mais.

    ResponderExcluir
  10. Elenira Lopes da Silva24 de janeiro de 2017 13:58

    Meu caro pensar em sexo é imoral?
    Transar é imoral?
    De onde vc foi gerado?
    Sexo é natural do ser humano e de toda criatura.....somente a ignorância ver com maus olhos....o programa é isso...pessoas confinadas q dormem juntas naturalmente seus instintos não ficam fora, estão com eles...
    Imagine se preso numa casa no meio de mulheres bonitas ....a não ser q vc não tenha instinto desejo sexual...

    ResponderExcluir
  11. Adeline Maria Freitas24 de janeiro de 2017 14:52

    Pensam que somos idiotas

    ResponderExcluir
  12. Arrasou meu caro!

    ResponderExcluir
  13. Ventullo Gonçalves24 de janeiro de 2017 15:28

    Eu apoio o livre arbítrio. Toda essa polêmica só a globo sai saldando. Falem de mim, de bem ou ruim, mas por favor, falem...

    ResponderExcluir
  14. Rsrsrs é verdade, eu não assisto, só é baboseira....

    ResponderExcluir
  15. Maria Hirschi/Suiça25 de janeiro de 2017 08:38

    Na Alemanha,tem um progama assim,mesmo porcaria.

    ResponderExcluir
  16. Não aassisto, não gosto e é inconveniente as famílias .

    ResponderExcluir
  17. Muito bem, será que é preciso alguém só ter essa opção de assistir essa porcaria de programa, leia um livro, ouça música, brinque com seu cãozinho, ele vai adorar... sai dessa, não polui sua mente. Parabéns amigo, amei seu texto. Abraço.

    ResponderExcluir
  18. Prezado amigo, eu já tenho de há muito a minha opção: as emissoras católicas (Canção Nova, Rede Vida, TV Aparecida) ou então filmes em devedê. Veja minha mensagem "A maravilhosa Canção Nova" (30/1/2014): http://www.recantodasletras.com.br/mensagensreligiosas/4671697 Quanto ao BBB, não tenho o menor interesse em assistir pornografia. E fora isso, qual o interesse em ficar vendo as intimidades dos outros? Abraços.

    ResponderExcluir
  19. Não assisto, mas já sei do conteudo baixo nível.

    ResponderExcluir
  20. Obrigada.
    Gostei da cronica.
    Concordo.

    ResponderExcluir
  21. Igor de Oliveira Rodrigues27 de janeiro de 2017 14:55

    Que canseira, ufa!!!....

    ResponderExcluir